MIRIAM MAMBRINI

ESCRITORA

Sobre a Miriam Mambrini

Miriam Mambrini é carioca e formada em Letras. Seu primeiro livro de contos, O baile das feias, foi publicado em 1994. Nesse livro e no que se seguiu, Grandes peixes vorazes, incluiu contos premiados em vários concursos.  Escreveu os romances A outra metade, atualmente em segunda edição, As pedras não morrem e O crime mais cruel, os dois últimos adquiridos pelo PNDE do Ministério da Educação.  As crônicas de Maria Quitéria, 32 falam de sua vida de menina em Ipanema, o bairro onde nasceu e sempre viveu.  Publicou ainda, em livro e audiolivro, Vícios ocultos, contos, e Ninguém é feliz no paraíso, romance. Seus contos foram incluídos em várias antologias, entre as quais 30 Mulheres que estão fazendo a literatura brasileira hoje, seleção de Luiz Ruffato (Record) e Contos de escritoras brasileiras (Martins Fontes). Faz parte do grupo  Estilingues, que publica antologias de contos fora do circuito comercial. Colaborou, com contos e artigos, em jornais e revistas, nacionais e estrangeiras, entre as quais a italiana Sagarana, a inglesa Litro, a espanhola 2384 e a brasileira Pessoa.

Miriam Mambrini é dessas autoras que merece ser sempre lembrada entre os principais nomes da literatura contemporânea, pois vem construindo uma trajetória ímpar com a publicação de livros imprescindíveis para uma reflexão dos rumos da sociedade brasileira.

Luiz Ruffato - Escritor

Miriam Mambrini vem afirmando, com rigor e vigor, seu lugar no cenário da Ficção Contemporânea.

Carlito Azevedo - Poeta

Postagens Recentes

Recent Posts / View All Posts

02

O SESSENTA E QUATRO

| Crônicas | No Comments

Share on Facebook Share on Twitter Share on Google+ Share on LinkedIn+ Ele vinha pela Prudente de Morais no sentido Leblon – Copacabana. O ponto ficava pouco antes da minha casa, no meio do quarteirão entre Garcia D’Avila e Maria Quitéria. Além de mim, havia…

miriam-mambrini-blog-cronica-livros-e-leitores-no-brasil

NO MUNDO DA LEITURA 6

| Crônicas | No Comments

Share on Facebook Share on Twitter Share on Google+ Share on LinkedIn+ NO MUNDO DA LEITURA 6   Leio. Leio muito. Nunca deixo de ter um livro ou meu kindle próximo de mim. Por preguiça, ou por estar muito envolvida no trabalho de escrever meu…

DSCN6429

ALÔ, URUBU!

| Crônicas | No Comments

Share on Facebook Share on Twitter Share on Google+ Share on LinkedIn+ ALÔ, URUBU! Às vezes desconfio das coincidências, mas, sem encontrar outra categoria em que certos fatos se encaixem confortavelmente, acabo por cataloga-los como coincidências e ponto final. Esse preâmbulo, talvez desnecessário, me ocorre…

A Outra Metade

A Outra Metade

Amores Vagos

Amores Vagos

Mapas de Viagem

Mapas de Viagem

Ninguém é feliz no Paraíso

Ninguém é feliz no Paraíso